Filosofia

Habilitação

Licenciatura e Bacharelado

Objetivos

A Faculdade Católica oferece o curso de graduação em Filosofia nas modalidades de bacharelado e licenciatura. O bacharelado, com duração de três anos, possibilita ao filósofo trabalhar com a pesquisa e a produção acadêmica e dar assessoria e orientação em outras áreas que exigem tais conhecimentos. A licenciatura, com duração de três anos e meio, permite não só a formação e a pesquisa científica em filosofia, como também a ministração de aulas no ensino fundamental e médio. O curso tem como objetivo a formação crítica e teórica dos alunos no pensamento filosófico, em três linhas principais de investigação: Antropologia Filosófica, Ética e Metafísica, e nas disciplinas do currículo básico aprovado pelo MEC.

Portarias

Bacharelado: Autorizado pela Portaria MEC Nº 2.733 de 12/12/2001e publicado no DOU em 14/12/2001.
Reconhecido pela Portaria MEC Nº 2.233 de 23/06/2005 e publicado no DOU em 27/06/2005.
Renovação de Reconhecimento pela Portaria MEC Nº 123 de 09/07/2012 e publicado no DOU em 10/07/2012.
Renovação de Reconhecimento pela Portaria MEC nº 432, de 15/05/2017 e publicado no DOU nº 93 em 17/05/2017

Licenciatura: Autorizado pela Portaria MEC Nº 2.733 de 12/12/2001e publicado no DOU em 14/12/2001.
Reconhecido pela Portaria MEC Nº 2.233 de 23/06/2005 e publicado no DOU em 27/06/2005.
Renovação de Reconhecimento pela Portaria MEC Nº 286 de 21/12/2012 e publicado no DOU em 27/12/2012.

Duração

Bacharelado:
Tempo Mínimo: 3 anos
Tempo Máximo: 5 anos

Licenciatura:
Tempo Mínimo: 3,5 anos
Tempo Máximo: 5 anos

Turno

Matutino e Noturno

Estrutura Curricular

Clique aqui para acessar o arquivo em PDF

Corpo Docente

Clique aqui para acessar o arquivo em PDF

Coordenação

Profº Me. Gilzane Silva Naves
Currículo Lattes

Horário de Atendimento:

Critérios de Avaliação

A verificação da aprendizagem, em sintonia com a concepção de ensino para o estudante adulto, organiza-se em torno da avaliação como um processo sistemático e não apenas um resultado baseado em atividades específicas. Enquanto um processo sistemático, a avaliação deve acontecer ao longo de todo o período letivo, enfatizando o processo cotidiano da aprendizagem.

Assim, a avaliação do discente, para efeito de verificação do rendimento escolar, deve ser realizada por disciplina, de forma contínua e cumulativa, com apuração no final de cada semestre letivo, abrangendo os elementos de assiduidade e eficiência nos estudos, cada um deles eliminatório por si mesmo.

Atendida a frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) às aulas e demais atividades escolares, o aluno será considerado aprovado se obtiver, em cada conteúdo, média igual ou superior a 60 (sessenta) pontos pela somatória das notas dos trabalhos e provas do período letivo, de acordo com normatizações referente à avaliação discente.

O aluno que obtiver nos trabalhos e provas do período letivo, de acordo com a normatização referente a avaliação discente, média igual ou superior a 50(cinquenta) pontos porém inferior a 60 (sessenta) poderá ser submetido ao exame final, no qual deverá obter nota suficiente para alcançar média aritmética igual ou superior a 60(sessenta).

As normas para avaliação dos discentes quanto à distribuição e divulgação das notas estão dispostas a seguir.

A distribuição de notas deve ser em números inteiros ou meio ponto, obedecendo a seguinte proporção:

60%: Provas Bimestrais: 60,0 pontos.
- Primeira Prova Bimestral: 30,0 pontos.
- Segunda Provas Bimestral: 30,0 pontos.
40%: Trabalhos e Atividades Avaliativas: 40,0 pontos.
- Primeiro Trabalho/Atividade Avaliativa: 20,0 pontos.
- Segundo Trabalho /Atividade Avaliativa: 20,0 pontos